Gardner Minshew II Jersey Daniel Jones Womens Jersey  1, 2, 3, 14! – Teat(r)o Oficina

1, 2, 3, 14!

O TEATRO OFICINA CONVOCA

*_os que estão há 25 anos lutando pelo seu crescimento urbano como centro cultural

_os protagonistas do movimento teatral paulista, entre eles os grupos vertigem; companhia livre; satyros; tapa; parlapatões; são jorge das variedades; ágora; engenho teatral; graças; bendita trupe; brincante; cemitério de automóveis; circo mínimo; feijão; folias darte; bartolomeu de depoimentos; vento forte; xpto…

_o movimento arte contra a barbárie

_a pequena multidão do público Oficina

_as multidões públicos de nossos teatros

_sábios do teatro, da academia e da saúde.*

Para dia 14 de Fevereiro de 2006, terça-feira, no Teatro Oficina, às 20h darmos início ao Movimento Artístico Permanente de formação de um Conselho Gestor do Teatro Estádio e da Universidade Popular de Cultura Antropofágica. Estreitamente solidárias, em apertada trama, vamos enredar nossas raízes para vencer a sucção das areias e nascer água nova no Anhanga-baú da Feliz Cidade.

O dia 14 é um ato antropofágico estimulador de que o Bexiga retorne sua eterna vocação de de ser o centro desta São Pã guetada, o cadinho cantina teat(r)o das misturas. É para formar desde já um conselho que delibere sobre o Teatro de Estádio e a Universidade Popular Antropofágica e que no futuro seja o conselho gestor desses empreendimentos.

A formação da universidade é a reunião de um saber de interesse internacional da cultura da Mestiçagem, da Ágorafilia, da Convergência virtual com a atual, um saber Vai Vai, dos Teatros e dos Teatos, das cantinas antropofágicas que o Bexiga pariu aqui.

Convocamos o lendário Arte contra a Barbárie, para nós interpretado como Arte Bárbara Tecnizada devorando a Barbárie Fundamentalista, assim como o Vertigem que tem dado a prova teatral do revivescimento do Rio Tietê, os Parlapatões que lutam pelo circo, os Satyros que resignificam a Praça Roosevelt, e todos os outros grupos de teatro paulista, além de sábios da saúde como o Drauzio Varella, os advogados militantes do Teatro Oficina Modesto Carvalhosa, Tales Castello Branco e Marta Macruz, Fernando Penteado, da Vai Vai, para encabeçar esse movimento a partir da formação do conselho porque o Teatro de Estádio não pode ser esperado messiânicamente, a conquista dele e da universidade de Cultura Antropofágica vai se dar com a atividade pensadora e criadora do forte grupo cultural que São Paulo tem hoje.

A Multidão está convocada para este Banquete.

O Teatro de Estádio e a Universidade começam neste dia seu destino de ser sendo.

A Universidade é para buscar o saber para nós, pra lá de cidadãos, índios comendo as Catequizações e reencntrando-se com nossa humanidade corpórea animal, mineral e divina, bárbara tecnizada. Busca a partir da nossa ignorância, de nosso desejo e fome, atravessar este século devorando e transformando seu estado de guerra, exclusão e anti-desenvolvimentismo em Comida da Vida.

No caderno Cotidiano, na Folha de São Paulo:

São Paulo, 11 de fevereiro de 2006

URBANISMO

Prefeitura diz que projeto de complexo ao lado do Teatro Oficina não está dentro de exigências arquitetônicas

Obra de Silvio Santos terá de ser alterada

JOSÉ ERNESTO CREDENDIO
?DA REPORTAGEM LOCAL ??

A Prefeitura de São Paulo pediu mudanças no projeto do complexo que o Grupo Silvio Santos planeja construir ao lado do Teatro Oficina, no bairro do Bexiga, no centro da cidade.?Os técnicos do DPT (Departamento do Patrimônio Histórico) querem que o projeto arquitetônico reduza ou minimize o impacto visual do paredão do complexo que fica nos fundos do casario tombado nas ruas do Bexiga e Japura. Por estar no entorno de uma região tombada, o empreendimento tem que se adaptar às exigências do órgão.?Segundo o parecer do órgão, da forma como está, a topografia da área faz com que o paredão fique em desacordo com as características arquitetônicas da região.?O empreendimento, aprovado pela prefeitura em 1994, foi objeto de intensa polêmica entre o Grupo SS e o diretor de teatro José Celso Martinez Corrêa, que está à frente do Oficina.?No entanto, apesar de estimular uma região degradada, considera-se que a obra pode descaracterizar uma área simbólica para o teatro brasileiro.?O empresário pretende construir um shopping e ainda um teatro, que ficaria ao lado do Oficina, instalado naquele local há quase 50 anos.?Segundo o Grupo SS, o investimento no complexo, orçado em R$ 75 milhões em 2000, está mantido, mas depende da aprovação dos órgãos municipais para deixar a prancheta. No ano passado, o grupo dizia esperar iniciar a obra ainda neste ano.?Em outubro do ano passado, o Grupo SS demoliu o imóvel onde funcionava uma sinagoga na rua Abolição. Em negociações com o Grupo SS, o diretor havia sugerido a preservação do prédio do templo israelita, a fim de transformá-lo em sede de uma universidade para formação de artistas.?Segundo o diretor do DPH (Departamento de Patrimônio Histórico), Walter Pires, as mudanças pedidas visam dar “”mais equilíbrio” à obra e evitar que haja uma mudança brusca na paisagem.?”Agora depende dos arquitetos [contratados para o projeto]. Podem, por exemplo, sugerir uma nova altura para a parede. É preciso mudar a configuração”, disse.?O arquiteto Francisco Fanucci, do escritório Brasil Arquitetura, disse que, com o desenvolvimento do projeto, aquele paredão já foi retirado. “Já está diferente. Houve um desenvolvimento posterior do projeto. Não existe mais essa configuração”, disse Fanucci. Foi dado prazo de 30 dias, a partir de terça-feira, para que o escritório se manifeste ao Conpresp.

Matéria de 16/02/2006 do Caderno 2 sobre o encontro

ESTÁ FORMADO UM GRUPO NA INTERNET PARA ORGANIZAR ESSE PRIMEIRO E FUTUROS ENCONTROS ALÉM DE SERVIR COMO FÓRUM. PARA FAZER PARTE DO GRUPO ENVIE UM E-MAIL PARA “conselhoestadio-subscribe@yahoogrupos.com.br”:mailto:conselhoestadio-subscribe@yahoogrupos.com.br
E SIGA AS INSTRUÇÕES. SE POSSÍVEL CONFIRME SUA PRESENÇA NO DIA 14 ATRAVÉS DESSE GRUPO IDENTIFICANDO-SE. EM BREVE ALGUNS TEXTOS FORMARÃO NESSE GRUPO UMA BIBLIOGRAFIA BÁSICA DO TEATRO DE ESTÁDIO. OUTROS TEXTOS JÁ ESTÃO DISPONÍVEIS NO SITE

!/anhangabau_felizcidade/flyer14.jpg!


Mitch Wishnowsky Womens Jersey