Aniversário: 57 anos em 2015!

Bandeirantes acabou de sofrer uma Tempestade. Parece que nada vai mudar, a cidade vai voltar a sua vida outra vez, mas para João Ignácio e para muitos outros a Tempestade foi um acontecimento decisivo. A Tempestade é o momento revolucionário. O Maio 68 de Bandeirantes!

“Vocês não percebem que estão todos mortos?
Vou abrir bem os meus braços,
me lançar por esse espaço
a ventar, a ventar”

A Peça em 1 Ato Vento forte para um papagaio subir, de José Celso Martinez Corrêa (a primeira escrita por ele), estreava no dia 28 de outubro de 1958 juntamente com A Ponte, do Poeta Carlos Queiroz Telles, ambas com direção de Amir Haddad, em SamPã! Nascia o Grupo Teatro Oficina (que manteve o mesmo nome até 1973).

O Programa de 1958 (PDF 9pgs. 2,6mb)

O lugar era o mesmo que o grupo ocupa até hoje na Rua Jaceguai número 520. Na época, era o Teatro Espírita Novos Comediantes, que foi alugado por três dias por um grupo de estudantes da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, entre eles Zé Celso, Renato Borghi, Carlos Queiroz Telles, Amir Haddad, Moacyr do Val e Jairo Arco e Flecha.

Dois anos depois, em 16 de agosto, se tornaria o Teat(r)o Oficina, com a estreia de A Vida Impressa em Dólar, censurada e impedida de continuar já no dia seguinte. O Teatro reabriria apenas sete dias depois, em 23 de agosto de 1961.

Vento Forte ganharia três prêmios no concurso de teatro em televisão: melhor espetáculo, melhor atriz (Alzira Cunha) e melhor ator (Marcus Vinícius). Uma publicação da Faculdade de Direito avisou após a estreia:

“O nome Oficina quer significar trabalho e produção; trabalho e produção intelectual que se irá intensificando e aperfeiçoando com o tempo. Não será um trabalho de dias e mesmo de meses. Será de anos e muitos deles talvez. (…) Alguém disse que são pretensiosos, mas não vejo como a simples pretensão de trabalhar possa ser censurada. É isso que o Oficina pretende”. – M.A.S.R.

AquiAgora, a Cia. Oficina Uzyna Uzona comemora três nascimentos:

*28 de outubro de 1958 – A estreia das primeiras peças*
*16 de agosto de 1961- A inauguração do Teat®o Oficina*
*03 de outubro de 1993 – A inauguração do Terreiro Eletrônyko Lina Bardi e Edson Elito*

Neste final de outubro, três dias de AMORFESTATEATRO durante a temporada de “Navalha na Carne”:http://teatroficina.com.br/menus/45/posts/926, que comemora esses 57 anos com quatro sessões (excepcionalmente) no final de semana prolongado:

*31/10 – Sábado com 2 sessões: 21h e 23h*
*01/11 – Domingo 20h*
*02/11 – Segunda 20h (sessão extra)*

Depois, o último final de semana:

*07/11 – Sábado com 2 sessões: 21h e 23h*
*08/11 – Domingo 20h*

E no dia 20 de novembro, a estreia de *Mistérios Gozósos*, paridos a beira-mar, no Leme, no Rio de Janeiro, no mar d’a mar! Deságua no Teat(r)o Oficina para festejar com a Libido das multidões que fazem essa roda girar há 57 anos!

*É o Navio Humano*
*Quente*
*Negreiro*
*Do Mangue…*


Zach Allen Jersey