Gardner Minshew II Jersey Daniel Jones Womens Jersey  La Cassarole assume a gastronomia do Nick Bar em Cacilda!!!!! – Teat(r)o Oficina
Lendo

La Cassarole assume a gastronomia do Nick Bar em C...

La Cassarole assume a gastronomia do Nick Bar em Cacilda!!!!!

É o bistrô “La Cassarole”:http://www.lacasserole.com.br/index1.htm que assina a gastronomia do Nick Bar onde o público e atuadores de *Cacilda!!!!! A Rainha Decapitada* se reúnem antes (a partir das 18h), no intervalo e depois das sessões do musical, no terreno do entorno do Teatr(r)o Oficina. É por ele, inclusive, o acesso de entrada ao Teatro – e onde está funcionando a bilheteria nesta temporada.

O lugar oferece opções de comidas e bebidas. Para este final de semana, o cardápio inclui:

*Velouté de cogumelos com ciboulette (vegetariano); R$10*

*Sanduíche de terrine de campagne, alface e tomate; R$10*

*Torta folhada de alho poró (vegetariano); R$15*

*Picadinho servido com arroz branco e batata palha; R$20*

*Vinho francês Leocadios; R$15*

*Vinho chileno Terra Noble; R$8*

*LA CASSAROLE*

Em 1954 Roger Henry e sua mulher Fortunée inauguraram o La Casserole em SamPã, em frente ao Mercado de Flores do Largo do Arouche. Marie-France Henry é filha do casal francês e ao assumir a direção do bistrô, em 1987, manteve a tradição gastronômica que inspirou a criação do restaurante, mas também acrescentou novidades da cozinha francesa. O lugar é uma das referências da gastronomia paulistana até hoje.

*O NICK BAR*

O Nick Bar original foi inaugurado em dezembro de 1949 por Joe Kantor – que era amante do Teatro Brasileiro de Comédia e amigo de Franco Zampari. O famoso bar virou referência da boemia nacional a partir do final da década de 1940, reunindo artistas internacionais, burgueses da sociedade paulistana e os operários da fábrica artística que o Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), a Escola de Arte Dramática e a Companhia Cinematográfica Vera Cruz começavam a formar.

O Nick Bar era vizinho ao TBC e surgiu como uma opção de restaurante para oferecer refeições caseiras e baratas aos artistas, durante o dia. À noite, se transformava num concorrido piano-bar, ponto de encontro de estrelas do mundo inteiro! Virou também o nome de uma das peças de grande sucesso do TBC. O maestro Leonard Bernstein, a atriz e modelo Vera Valdez, Isaac Stern (violinista e diretor do Metropolitan Hall), Piaf, Nat King Cole e Sarita Montiel foram alguns dos artistas que frequentaram o lugar.

*O NICK BAR DO OFICINA*

Agora uma nova versão do Nick Bar submerge da memória e do desejo do bairro do Bixiga para ficar instalado, temporariamente, no terreno do entorno do Teat(r)o Oficina, durante toda a temporada do musical *Cacilda!!!!! A Rainha Decapitada*.

O Nick Bar desta temporada funcionará até 14 de setembro, sempre aos sábados e domingos, e é aberto tanto para o público que for ao Oficina para as sessões da sua nova montagem, quanto para as pessoas que quiserem simplesmente frequentar a área aberta do local. O serviço estará aberto sempre uma hora antes de cada sessão, funcionando também no intervalo e após o espetáculo.

O espaço foi projetado pelas arquitetas Carila Matzenbacher e Marília Gallmeister, responsáveis pela arquitetura cênica do Oficina. Elas já criaram diversos formatos para o local, que ganhou também mesas e bancos coletivos inspirado nas cadeiras de Lina Bo Bardi que integram o mobiliário do Oficina. Antes de ter sua cozinha assinada pelo bistrô La Cassarole, o Nick Bar do Oficina recebeu (em outras montagens) diversos chefs da cidade, com curadoria do ator e chef Alessandro Leivas (hoje responsável pela cozinha orgânica dos bastidores do Teatro).


Mitch Wishnowsky Womens Jersey