Lendo

Ministério Público abre inquérito para proteger Of...

Ministério Público abre inquérito para proteger Oficina

A Procuradoria do Meio Ambiente do Ministério Público Federal abriu inquérito em outubro de 2010 a fim de observar e garantir a proteção do Teatro Oficina, patrimônio cultural brasileiro tombado em junho, ameaçado pelas demolições e projeto de construções em seu entorno perpetrados pelo Grupo Silvio Santos.

O Inquérito Civil de nº 1.34.001.005999/2010-10 está em andamento e desde dezembro do ano passado solicita informações da situação na área ao Condephaat, órgão estadual do patrimônio que tombou o Teatro Oficina em 1984 mas também autorizou nos anos recentes as obras resultantes da especulação imobiliária praticada pelo Grupo Silvio Santos no bairro do Bexiga.

O inquérito soma-se à Luta pública para a desapropriação do entorno do Teatro Oficina, a ser realizada pelo Ministério da Cultura, para ali serem construídos o Teatro de Estádio e a Universidade Antropófaga, devolvendo os terrenos ao bairro que é o umbigo cultural da cidade, centro cosmopolita das artes, atualmente severamente degradado por obra da especulação financeira e imobiliária de grupos que, assim como o Grupo Silvio Santos, somaram terrenos às suas propriedades com o único intuito de lucrar futuramente, desertificando a região, mantendo terras improdutivas.

Neste 2011 o Oficina segue na Luta para a desapropriação destes terrenos e o investimento na região para torná-la chacra de uma transformação da cultura iniciada no governo Lula, com o objetivo de torná-la infraestrutura da nação.

Abaixo o mapa dos terrenos que estão sendo avaliados pela Caixa Econômica Federal, no entorno do Teatro Oficina que completa 50 anos em 16 de agosto de 2011.

clique para ampliar: