Paranoia nas Satyrianas!

Não dava pra ficar de fora de um evento teatral tão bacana, mesmo durante processo de montagem de Roda Viva, que precisamos estrear em novembro e com apresentações marcadas de Rei da Vela em Porto Alegre pra logo-logo. Mas tá aí PARANOIA de Roberto Piva numa única apresentação nas Satyrianas com Marcelo Drummond, Chicão, Sonia Ushiyama, Ciça Luchesi, Igor Marotti, Luanna Della Crist, Pedro Felizes vamos festejar a data.

A organização das Satyrianas tem por hábito fazer o ingresso pague quanto der, o que é muito bom pro público, mas no caso do Teatro Oficina, que atualmente não conta com nenhum patrocínio para sua manutenção, que, diga-se de passagem, é bem cara. Então estipulamos como mínimo o preço de 1 passagem (R$ 4,00), que é para pagar os custos do teatro, é claro que pode pagar muito mais se quiser, só assim os artistas receberão pelo trabalho.

O ator Marcelo Drummond apresenta este espetáculo desde 2011, quase sempre nos intervalos das produções da companhia, faz apresentações esporádicas em ambientes diferentes e adaptando-se ao local, apresentou no Teatro Oficina, na Praça das Artes, no Clube da Artes-AAMAM, na Biblioteca Mario de Andrade, no Estúdio Lâmina, no Mundo Pensante, na Casa das Caldeiras durante Festival Mundo Pensante 2017.
Dia 11/10 às 23:59 Teatro Oficina abre mais uma vez as portas pra Paranoia fazendo parte da programação das Satyrianas

Paranoia é um espetáculo performático mulltimídia com Marcelo Drummond interpretando os poemas do livro de Roberto Piva, editados em 1963 por Massao Ono e relançado em 2000 pelo IMS, onde o poeta circula pela região central de uma São Paulo mítica, noturna, que cresce e se deixa invadir pelo (Homo)erotismo e pela loucura latentes na madrugada.

A trilha sonora composta por Zé Pi exalta a noite com batidas eletrônicas, Jazz, ruidos e sons de multidão e o Chicão no piano. A ação caligráfica da escrita milenar da caligrafia japonesa antropofagiada ao laser pichador de Sonia Ushiyama e o cinema ao vivo de Ciça Lucchese no corte e Igor Marotti na câmera que entram pela cidade com imagens gravadas de muitas São Paulos, de várias épocas, misturadas com as geradas pela câmera ao vivo completam a perfomance.

www.teatroficina.com.br/paranoia

Serviço
Teatro Oficina
Abertura da casa: 23:30h
Horario da apresentação: 23:59h
Preço na porta: pague quanto quiser com o mínimo de R$ 4,00

Ficha Técnica
Título:Paranoia
Autor: Roberto Piva
Com: Marcelo Drummond
Trilha: Zé Pi
Piano: Chicão (Rafael Montorfano)
Ação caligrafica e ambientação: Sonia Ushiyama
Câmera: Igor Marotti
Video arte (cinema ao vivo): Ciça (Cecília) Lucchesi
Luz: Luanna Della Crist e Pedro Felizes
Operação de som: Clevinho e Camila Fonseca


COMMENTS ARE OFF THIS POST